Análise do livro – 23 Hábitos Anti-Procrastinação

Análise do livro – 23 Hábitos Anti-Procrastinação

A análise de hoje é sobre um livro que não estava nem na minha lista de livros a serem lidos, ele caiu de paraquedas. Hoje lhes trago 23 hábitos Anti-procrastinação. Como deixar de ser preguiçoso e ter resultados em sua vida.

Forte né? Pois é, além de ser direto ele é bem prático. Então já digo diante mão, recomendo fortemente.

Link do Livro: 23 Hábitos Anti-Procrastinação

Para quem é esse livro?

Para qualquer pessoa que deseja melhorar sua performance.

O autor busca enfatizar as desculpas que damos aos outros e a nós mesmos que não nos deixam progredir em nossos projetos e que só servem para atrapalhar a nossa produtividade.

Ele apresenta alternativas para os diferentes perfis de pessoas que precisam aprender sobre produtividade.

Overview

Scott inicia o livro constatando que todos temos o poder de escolher qual caminho tomar, se é por desenvolver hábitos de auto aperfeiçoamento ou hábitos destrutivos.

O autor lista as principais desculpas para a procrastinação e no decorrer do livro ele vai quebrando uma a uma. Trazendo ferramentas que nos ajudam quando estamos utilizando desculpas para não avançar e conquistar o nosso sucesso.

Conforme fui lendo o livro e anotando as minhas próprias ideias sobre o assunto, comecei a ver que ele utiliza uma linha de pensamento, parecida com uma receita.

Consultoria Financeira Individual

 

Se queremos um bolo bem feito, precisamos desses ingrediente e seguir estes passos. Fiz o resumo desse livro pensando dessa forma.

Primeiro ele dá uma breve explicação sobre a desculpa e qual a maneira de contorna-la. Em seguida, vem os ingredientes para fazer essa receita funcionar e por último o modo de preparado.

Para cada hábito ele nos propõe uma forma nova de perceber a vida. E ao final do livro admite que não espera que coloquemos todas em prática de uma vez, e nem recomenda. Mas que identifiquemos aquela que causará mais impacto na nossa vida e façamos algo imediatamente.

São 7 desculpas que nos impedem de avançar e Scott nos proporciona um compilado de ferramentas de grandes obras do mundo da produtividade, pra que avancemos nos projetos que mais desejamos colocar em prática.

“Não Importa”

“Preciso fazer ________ antes”

“Preciso de mais informações para poder começar”

“Sinto-me sobrecarregado e tenho muita coisa para fazer”

“Não tenho tempo agora”

“Continuo me esquecendo de fazer isso”

“Não estou com vontade de fazer isso”

E para mitigar cada uma dessas desculpas ele utiliza várias técnicas para tornar a vida mais produtiva são citadas:

  • Regra de Pareto: onde 80% dos seus resultados vêm de 20% dos seus esforços;
  • Metas M.A.R.T.E (ou S.M.A.R.T em inglês);
  • GTD: através da captura de ideias, sistema de 43 pastas, regra dos dois minutos;
  • Técnica Pomodoro;
  • MITs (Tarefas mais importantes);
  • Método ABCDE (para priorização de tarefas);
  • Lei de Parkinson (lei que fala sobre criar prazos auto impostos);
  • Efeito de Hawthorne (que fala o quanto estamos mais propensos a completar uma tarefa se sentirmos que nossas ações são observadas por outros);
  • Técnica de Visualização;
  • Desafio dos 30 dias.

E ele explica na prática como implanta-la na sua rotina diária. O interessante é que trazendo várias soluções para a mesma desculpa Scott consegue contemplar vários perfis de pessoas.

Pontos Positivos

Positivo

O livro é definitivamente um resumão de técnicas de produtividade, para quem quer começar a estudar produtividade e também para quem quer se aperfeiçoar.

Não é apenas teoria, mas muita prática, um exemplo disso é o hábito de número 6: crie lembretes para tudo.

“Crie um sistema para todas as tarefas, nas várias áreas de sua vida. Finanças, tarefas domésticas, fazer a mala para as férias ou planejar a próxima festa. Ter uma lista de verificação passo a passo para as tarefas rotineiras torna absurdamente simples a conclusão de tarefas. Você passa a deixar de fora a adivinhação e simplesmente segue cada passo ao longo do caminho”

Viu? Uma forma simples de organizar a vida. Que para mim é bem óbvia, mas entendo que para muita gente fazer uma simples lista pode ser um sofrimento, ainda mais quando se trata de mapear aquilo que só está na sua cabeça.

Scott propõe que comecemos de onde estamos e com as ferramentas que temos disponíveis. O autor entende que são muitas técnicas e por isso sugere que comecemos aos poucos, mas com compromisso e consistência.

Pontos Negativos

Fazer o quê?

Por seguir sempre na mesma linha de: problema – rota – solução em alguns momentos o livro se torna um pouco entediante, pois não há muitas surpresas.

Entendo que é um livro de produtividade, mas colocar alguns exemplos através de histórias torna a leitura muito mais interessante.

Citações Marcantes

“A solução mais simples para eliminar a procrastinação é não lutar contra ela. Em vez disso, você precisa substituí-la por boas rotinas que beneficiem a sua vida”

“Seu tempo é um recurso finito. Cada minuto gasto em um tarefa é menos um minuto de sua vida”

“A estratégia mais eficaz para superar a procrastinação e melhorar a sua capacidade de escolher quais projetos devem ser trabalhados e quais devem ser evitados”

“Desenvolver o hábito de trabalhar as atividades individualmente” (Para aquela galera que gosta de ser multitarefas)

“Quando você tem o hábito de concluir o que inicia, encerrará os ciclos que sugam sua energia mental e irá criar a motivação necessária para a realização de um grande trabalho”

“A revisão mensal é como um relatório que as empresas dão aos seus acionistas”

“Se realmente não queremos fazer algo, então talvez seja hora de desistir”

“Recompense a si mesmo a cada pequena conquista. É ótimo para combater a falta de vontade de realizar um tarefa específica”

“Concentrar-se em um única habilidade é o caminho mais rápido para a competência instantânea”

“O que separa os grande empreendedores de todos os outros é que eles costumam continuar fazendo aquela tarefa mesmo quando não estão com vontade”

“Lembra que os resultados não acontecem do dia para a noite. Você precisa ser paciente enquanto trabalha lentamente em um projeto ou objetivo”

Impressões

Percebi que o autor realmente tem bastante expertise no assunto produtividade e domina bastante as técnicas.

Fiquei bastante satisfeita com a leitura, pois reúne muita informação relevante para qualquer perfil de pessoa.

Como já estudo produtividade há algum tempo, tive meus conhecimentos elevados, no sentido de que, pensava que uma técnica serviria para todos os tipos de pessoa, mas não.

Temos muitas individualidades e cada pessoa faz do seu jeito, e as diferentes estão ai justamente para dar conta de tornar pessoas diferentes mais produtivas.

É um livro para ser lido e relido sempre que necessário, pois sempre podemos encontrar aquela ferramenta que estava faltando para melhorar a nossa produtividade em determinado momento da vida.

Scott nos incentiva ao aprendizado e sabe que esse é um processo que nos tira da zona de conforto, então cabe a nós decidir se vamos avançar ou continuar procrastinando.

E você já leu esse livro? Se sim comenta para mim o que achou. Se não e o assunto te interessa, te convido a coloca-lo na sua lista de leituras.